Social – Arraiá do Pampo

 

 

Aconteceu neste último fim de semana o “Arraiá do Pampo”, que com as bênçãos de São João, foi coroado de sucesso, tanto que até São Pedro nos presenteou com uma noite de temperatura agradável, sem vento e sem chuva.  A presença maciça de sócios proprietários, atletas, contribuintes, convidados e a visita de muitas pessoas do local garantiram uma noite alegre e divertida, repleta de atrações e comidas gostosas, além de um DJ que não deixou esmorecer o arrasta pé.

 

A criançada se divertiu nas barracas de jogos, nos brinquedos disponibilizados a todos e nas brincadeiras que se sucederam por toda a noite.  E não foram só as crianças que curtiram as atrações, já que os marmanjos também lutaram com os cotonetes gigantes, se viraram na corrida do saco e na divertida quebra das moringas.

 

 

A comida estava boa demais.  Era churrasco, salsichão, queijo coalho, sopa de ervilha, caldo verde, canjica, milho verde, cachorro quente, bolo e doce de tudo quanto é espécie, enfim, era tanta comida boa que não sobrou muita coisa para contar a estória.  Tudo regado por bebidas diversas, choconhaque e batidas que deixaram o Arraiá mais alegre que nunca.

 

Como não poderia deixar de acontecer, tivemos o casamento de Zé Dedão e Maria Josephina, que sob as bênçãos de um Padre Alemão e os olhares atentos de todos os presentes, foi sucedido por uma animada quadrilha que contou com quase a totalidade dos presentes.

 

 

Agradecemos a todos os sócios, atletas e convidados que estiveram presentes e dedicamos um especial agradecimento ao Vinny, nosso Diretor Social, que não mediu esforços para que tudo saísse o  mais correto possível.

 

A lista é grande, mas não podemos deixar de agradecer a todos aqueles que passaram dias trabalhando para que tudo estivesse pronto e arrumado para a festa, seja na montagem das barracas, ornamentação da sede do clube, elaboração das comidas, enfim, uma turma de grande empenho que fez de tudo para que as coisas corressem da forma como correram.

 

Por isso, obrigado ao Victor, Fátima, Fred, Vera, Ângela, Tarcísio, Salete, Marquinho, Lucimar, Edson, Flávia, Sandra, Fernanda, Ana, Marcão, as duas Marianas, Iara, todos os funcionários, em especial ao Ninho e à Soninha, enfim, todos que dedicaram seu feriado à fazer virar realidade tudo que sonhamos e pretendíamos fazer.

 

Àqueles que não puderam comparecer por motivos vários, lamentamos não estarmos juntos desta vez, mas torcemos para que numa próxima oportunidade, estejamos todos unidos e animados novamente, para fazer valer a tradição de realização de nossa festa junina.

* Texto de Edson Elias Jorge publicado por Fernando Arruda a pedido.